Eleições 2022: brasileiros precisam ficar atentos a prazos eleitorais


TSE - Tribunal Superior Eleitoral
Urna eletrônica

Com a proximidade das eleições, os brasileiros precisam ficar atentos aos prazos do calendário eleitoral para garantir a ida às urnas no dia 2 de outubro e escolher presidente da República, governadores, senadores e deputados federais, estaduais e distritais. 

Quatro de maio é o último dia para regularizar o título de eleitor, transferir local de votação ou mesmo solicitar a primeira via do documento.

O alistamento eleitoral é facultativo para jovens de 16 e 17 anos, e passa a ser obrigatório a partir dos 18 anos, inclusive para pessoas com deficiência.

O adestrador de animais Arthur França, de 22 anos, vai votar pela segunda vez. Com diagnóstico de transtorno do espectro autista, o jovem destaca a importância de exercer o direito ao voto para lutar por garantias fundamentais. 

Pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida que queiram votar em outra seção ou mudar o local de votação têm entre 18 de julho e 18 de agosto para informar a Justiça Eleitoral. 

Pelo site tse.jus.br, é possível acessar serviços de autoatendimento e resolver tudo com alguns cliques: tirar, transferir ou regularizar o título de eleitor; consultar local de votação; inserir nome social; conferir a situação eleitoral e emitir certidão de quitação eleitoral. 

* Com produção de Joana Lima e sonoplastia de Messias Melo.

Edição: Bianca Paiva/ Renata Batista

Fonte: Rádio Agência Nacional

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.