Dólar registra maior queda mensal desde outubro de 2018

Após oscilar entre altas e baixas ao longo do dia, o dólar fechou nesta quinta-feira com queda e teve o maior recuo trimestral desde 2009.

O dólar comercial encerrou o dia vendido a R$ 4,76, com recuo de 0,54%. Depois de iniciar o dia em alta, a cotação reverteu a tendência e caiu logo após a abertura das negociações no mercado norte-americano.

A moeda norte-americana fechou março com recuo de 7,63%. Essa foi a maior queda mensal desde outubro de 2018.

No primeiro trimestre, a divisa caiu 14,55%, a maior baixa desde o segundo trimestre de 2009, quando os mercados financeiros se recuperavam da crise financeira de 2008.

A bolsa de valores também caiu após duas altas seguidas, mas encerrou o trimestre em alta, com a maior valorização desde 2020.

O Ibovespa encerrou março com ganhos de 6,06%. E nos três primeiros meses de 2022, a alta acumulada ficou em 14,48%, o melhor desempenho desde o último trimestre de 2020.

*Com informações da Agência Brasil

Edição: Agência Brasil

Fonte: Rádio Agência Nacional

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.