Covid: ocupação de UTIs do SUS passa de 80% em oito estados e no DF

Dispositivo de respiração artificial especial em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Treze estados brasileiros apresentam aumento nas taxas de ocupação de leitos de UTI Covid-19 no SUS. E outras nove unidades da federação, estão na zona de alerta crítico com lotação superior a 80%. São eles: Amazonas, Piauí, Rio Grande do Norte, Pernambuco, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, além do Distrito Federal.  

Os dados fazem parte da última Nota Técnica do Observatório Covid-19, da Fundação Oswaldo Cruz, divulgada nesta quinta-feira (03).

Segundo a publicação, entre as capitais com taxas divulgadas, 13 estão na zona de alerta crítico, nove em alerta intermediário e, oito, fora da zona de alerta.

A pesquisadora do Observatório da Fiocruz, Margareth Portela, destaca que os dados mostram uma tendência de interiorização de casos pela variante Ômicron, isso porque algumas capitais já apresentam mais estabilidade ou mesmo queda nas suas taxas de infecção.

A pesquisadora avalia ainda que a situação é preocupante porque ainda há uma proporção considerável da população que deixou de receber a dose de reforço da vacina contra a covid-19 e outra parcela que não foi imunizada. 

Margareth Portela ainda destaca a importância da dose de reforço nos casos da variante ômicron.

A Nota Técnica da Fiocruz reforça ainda a importância da exigência do passaporte vacinal, assim como a manutenção de medidas de segurança sanitária, como o uso de máscaras em locais públicos e o isolamento social ao apresentar sintomas.

Edição: Roberto Marques Piza / Guilherme Strozi

Fonte: Rádios Agência Nacional

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.