Arrecadação federal soma R$ 1,87 trilhão e bate recorde em 2021

A arrecadação de tributos e impostos do governo federal bateu recorde histórico: R$ 1,878 trilhão foram arrecadados em 2021. É o melhor resultado em 21 anos.

O aumento é de 17,36% em relação a 2020. Os dados foram divulgados nesta terça-feira (25) pela Receita Federal.

De acordo com o Fisco, só em dezembro do ano passado foram arrecadados R$ 193,902 bilhões. O  secretário da Receita Julio Cesar Vieira afirmou que os números refletem uma sinalização de recuperação econômica.

Destaques na arrecadação de impostos como a Cofins e o PIS/Pasep, que tiveram alta graças a alta dos preços dos combustíveis em 2021. Juntos, esses tributos apresentaram arrecadação de cerca de R$ 36,4 bilhões.

Além disso, o IOF, o imposto cobrado sobre operações financeiras também contribuiu para o resultado. De acordo com a Receita, o IOF acumulou R$ 5,5 bilhões.

Já o Imposto de Renda das Pessoas Jurídicas e a Contribuição Social Sobre o Lucro Líquido totalizaram arrecadação de quase R$ 400 bilhões.

Edição: Jacson Segundo / Guilherme Strozi

Fonte: Rádio Agência Nacional

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.